27 de janeiro de 2020

Ficará na memória

Palio Weekend: adeus à perua

Nova Palio Weekend 1

Nova Palio Weekend 

Com o aumento constante da preferência do cliente por utilitários esportivos (SUVs), as peruas foram perdendo espaço no mercado. Consequência: a última unidade da caminhonete Weekend deixou a linha de montagem nesta segunda-feira (27/1), após 23 anos de produção no Polo Automotivo Fiat, em Betim (MG).

346904115965974

Weekend 1997

Representante de destaque de uma das categorias mais importantes da época, conquistada rapidamente no consumidor – e principalmente como brasileiras – oferecendo um estilo harmonioso, um recurso robusto da marca, ótimo espaço interno e o maior porta-malas da categoria, com 460 litros. Essa fórmula foi tão acertada, que um Fiat contabilizou a venda de mais de 530 milhões de unidades na história do modelo.

 C8a9949 Medium

C8a9949 Medium

“Um fim de semana teve um papel muito importante para a Fiat, liderando o segmento durante quase toda a sua trajetória comercial”, afirmou Herlander Zola, diretor da marca Fiat e Operações Comerciais Brasil. “Nos mantemos sempre atentos ao consumidor, por isso entramos em uma fase acelerada de mudança na Fiat. Para atender ao desejo do cliente brasileiro, está previsto o início da produção de três novos modelos a partir de 2020. Dois deles vão colocar a nossa marca no segmento de SUVs ”, concluiu o executivo.

Modelo histórico

O Palio Weekend foi lançado no início de 1997, seguindo uma tradição de derivados de veículos do seu produto principal, neste caso, o Palio. Tecnicamente, uma diferença estava suspensa na parte traseira, com braços arrastados no Peru, para garantir maior conforto e comportamento superior nas curvas associadas ao eixo de torção no hatch. O entre eixos também foi seis vezes maior no modelo familiar.

O veículo chegou em três versões e, já no seu quarto mês de vendas, assumiu uma liderança no segmento de mercado no país. A partir de então, a Fiat promoveu inovações em sua trajetória no mercado nacional até hoje. Porém, com um cancelamento do veículo, o mercado brasileiro deixa de ter a última perua do segmento.

Deixe seu comentário

Siga o @BaladaIN no Instagram