ESTUDO DO MINISTÉRIO DA ECONOMIA

Vander Costa critica possíveis cortes de verbas que seriam impostos ao Sistema S

Por Marcelo - Em 26 de julho de 2021

O Sistema Sest-Senat lamentou as declarações do secretário de Política Econômica do Ministério da Economia, Adolfo Sachsida, de que estaria sendo estudada a possibilidade de reduções significativas dos repasses de verbas federais para as entidades que fazem parte do Sistema S. Ele inclusive utilizou a expressão: “passar a faca”.

“Tais falas revelam total descolamento da realidade e desconhecimento do trabalho sério e comprometido com o interesse público realizado pelas instituições que compõem o Sistema S. Ao propagar esse nível de desinformação, o secretário apresenta despreparo ímpar para ocupar um cargo de tamanha relevância”, afirmou Vander Costa, presidente da CNT e dos Conselhos Nacionais do Sest e do Senat.

Vander Costa disse que o Sistema S presta serviços relevantes                     Foto: Divulgação

Ele destacou que em quase três décadas de existência, as duas instituições sempre atuaram, de maneira efetiva, para a inserção de jovens brasileiros no mercado de trabalho, a requalificação de profissionais do setor de transporte, e a promoção de transformações sociais nas comunidades em que existem unidades operacionais instaladas.

Segundo nota da entidade, o desempenho e a qualidade de vida de milhões de trabalhadores do transporte estão diretamente ligados ao trabalho promovido pelo Sest-Senat. A instituição é responsável pela qualificação profissional de todos os trabalhadores do transporte no Brasil, como motoristas de ônibus, caminhoneiros e taxistas, entre outros. Só em 2020, mesmo com a inevitável queda na arrecadação provocada pela crise da Covid-19, foram prestados 9 milhões de atendimentos gratuitos.

Atualmente, existem 157 unidades operacionais do Sest-Senat espalhadas por todo o País, garantindo aproximadamente 6 mil empregos diretos para atender, com muita seriedade, a cerca de 2,2 milhões de profissionais empregados de 155 mil empresas transportadoras, além de seus familiares.

“Além disso, o Sest-Senat pauta a sua atuação no compromisso com a ética e a transparência na gestão dos seus recursos. A instituição disponibiliza para a sociedade um Portal da Transparência, com informações institucionais, orçamentárias, financeiras, contábeis, sobre processos licitatórios e contratos, relatórios de gestão e de atividades da entidade em todo o Brasil”, lembrou Vander Costa, ressaltando que é preciso diálogo para encontrar soluções para os problemas gerados pela Covid-19.

Mais notícias

Ver tudo de IN Business