18 de junho de 2020

CAPACIDADE E DINAMISMO

Senai Ceará conquista prêmio nacional por “Desempenho de gestão” da CNI

A atuação dinâmica, altamente qualificada de suas equipes e o olhar atento às demandas do setor industrial e da sociedade como um todo, garantiram o destaque para o Senai Ceará durante reunião de gestores promovida pela Confederação Nacional da Indústria.

Ricardo Cavalcante apresentou o Elmo, no início deste mês                       Foto: Divulgação

Devido aos inúmeros programas, ações e projetos implementados, a entidade que faz parte da estrutura organizacional da FIEC ficou em terceiro lugar, entre todos os Senais brasileiros, no quesito “Desempenho de gestão”, em 2019. Pela conquista, o Senai Ceará receberá troféu e um cheque no valor de R$ 200 mil.

Fruto do trabalho competente e profissional da equipe que tem à sua frente o diretor Paulo André Holanda, este é o terceiro ano consecutivo que o Senai Ceará é premiado por atingir os indicadores de excelência de educação e tecnologia estabelecidos pelo Departamento Nacional da CNI. No ranking geral, o Ceará ficou na sétima colocação.

“Eu gostaria de agradecer olhando para colaborador do Senai Ceará. É com muita alegria que recebemos esse troféu, graças ao esforço de cada um, que precisa ser reconhecido”, disse Paulo Holanda.

O gestor também agradeceu o apoio incondicional do presidente da FIEC, Ricardo Cavalcante, que sempre estimulou as ideias das equipes da entidade, que resultaram, inclusive, no desenvolvimento de um modelo de respirador artificial e de um capacete de respiração assistida, o Elmo, neste primeiro semestre.

A parceria com o Governo do Ceará, UFC e Unifor, durante a pandemia de Covid-19, já neste ano de 2020, possibilitou o desenvolvimento destes dois produtos e contou com o engajamento de Ricardo Cavalcante nas articulações entre os participantes dos projetos. Sinal de que novos prêmios deverão vir.

Mais notícias

Ver tudo de Negócios