4 de maio de 2021

CENTRO DE DADOS DE INTELIGÊNCIA

Ricardo Cavalcante recebe o presidente do Grupo 3corações para apresentar as estratégias do Observatório da Indústria

O presidente da Federação das Indústrias do Estado do Ceará, Ricardo Cavalcante, recebeu o empresário Pedro Lima, que comanda o Grupo 3corações, uma das maiores indústrias do setor cafeeiro nacional, fruto da joint venture entre a brasileira São Miguel Holding e a holandesa Strauss Coffee, pertencente ao grupo israelense Strauss. Na oportunidade foram apresentadas as atividades estratégicas desenvolvidas no Observatório da Indústria, que contou com a participação de uma comitiva de gestores.

Durante o encontro, os convidados tiveram a oportunidade de conhecer as funcionalidades do equipamento da indústria cearense, um dos maiores centros de dados de inteligência mundial, e compreender melhor as suas funcionalidades, serviços e operações. O objetivo foi fortalecer, junto ao grupo empresarial, suas atividades, de acordo com suas necessidades estratégicas.

Entre os presentes estiveram também Milene Pereira, presidente do Sindcafé e gerente de Sustentabilidade da 3corações; Danísio Barbosa, Diretor de Finanças e Controladoria da 3corações; além de Sampaio Filho, diretor de Inovação da FIEC; Sérgio Lopes, superintendente de Relações Institucionais da FIEC, e Guilherme Muchale, gerente do equipamento de inteligência estratégica.

Pedro Lima e Ricardo Cavalcante (ao centro), acompanhados das comitivas do Grupo 3corações e da FIEC                            Foto: Divulgação

O Observatório da Indústria tem como missão contribuir para o processo de desenvolvimento industrial do Ceará, por meio de coleta, tratamento, produção e difusão de conhecimento especializado. E, também, da criação de ambientes capazes de fortalecer o empreendedorismo, a inovação e a sustentabilidade, permitindo a interação, aproveitamento de oportunidades e geração de negócios.

A ferramenta funciona aliada com o que há de mais moderno em tecnologia e inteligência artificial e possibilita a construção de levantamentos e cruzamentos de dados, criação de cenários, acesso a dados estratégicos atualizados 24 horas, trabalho de prospecção via algoritmos, previsibilidade de faturamentos, atração de investidores, entre outros.

Mais notícias

Ver tudo de IN Business