RECUPERAÇÃO DO SETOR

Ivana Bezerra acredita em expansão nas taxas de ocupação hoteleira neste mês

Por Marcelo - Em 9 de julho de 2021

A empresária Ivana Bezerra, diretora geral do Hotel Sonata de Iracema e presidente do Visite Ceará – Fortaleza Convention & Visitors Bureau, disse que o setor hoteleiro tem sofrido muito com a pandemia de Covid-19, há quase um ano e meio. Mas acredita que nestas férias de julho devem registrar taxas de ocupação em torno de 50%.

Informou que apesar de o trade da hotelaria não ter sido impedido de funcionar, os turistas desapareceram. Então, de março a agosto do ano passado os hotéis ficaram fechados, trazendo grandes prejuízos. “Tivemos perdas absurdas no período. Para se ter ideia, essas perdas chegaram a quase 100%. Só não podemos dizer que a perda foi total pelo fato de alguns hotéis, bem poucos, terem se mantido abertos. Posso afirmar que não apenas o setor turístico foi afetado, mas, também, diversos outros segmentos ligados a ele, de alguma forma”, explicou.

Ivana Bezerra afirmou que os números estão melhorando desde maio              Foto: Divulgação

Para Ivana, o turismo doméstico é uma das grandes apostas do setor, muito em função da falta dos voos internacionais e das demais limitações de voos nacionais. “Nosso desafio é fortalecer cada vez mais o turismo regional. Observamos, também, que há um crescimento dos próprios cearenses, dos moradores dos estados vizinhos e, ainda, de pessoas que optam por voos com menos tempo de duração”.

Ressaltou, ainda, os cuidados com a segurança biossanitária, tanto de hóspedes quanto de colaboradores. “É importante dizer que todos os hotéis associados à ABIH possuem o Selo Lazer Seguro. Uma das provas desse intenso cuidado foi a testagem que realizamos no ano passado com todos os profissionais da hotelaria associada à ABIH. O índice de positividade foi muito baixo, ou seja, nosso trabalho está sendo feito realmente com muita responsabilidade”, afirmou.

A empresária também avaliou positivamente as ações governamentais.”Desde o início da pandemia, o Governo do Ceará vem fazendo, na medida do possível, tudo o que pode pelo segmento. O principal, para nós, é a promoção do nosso Estado, algo que, por conta da pandemia, não pode ser feito no momento. Mas temos total certeza de que tão logo todos os cearenses estejam vacinados, o Governo voltará a nos ajudar nesse sentido”, completou Ivana Bezerra.

Mais notícias

Ver tudo de IN Business