29 de junho de 2020

IN CONNECTION

Heitor Freire debate a sucessão na capital cearense durante Live com Pompeu Vasconcelos

O deputado federal Heitor Freire será o próximo entrevistado da Live IN Connection com Pompeu Vasconcelos. Nesta segunda-feira (29), o pré-candidato à Prefeitura de Fortaleza pelo PSL debaterá com o empresário e jornalista Pompeu Vasconcelos sobre o perfil do candidato que a população quer para suceder o prefeito Roberto Cláudio. Com o tema “Sucessão em Fortaleza” , Heitor terá a oportunidade de revelar seus planos para a capital cearenses e sua visão de Brasil.

Heitor Freire é o candidato do PSL À Prefeitura de Fortaleza                          Foto: Divulgação

“Caso seja eleito, pretendo trabalhar fortemente na questão da saúde e da geração de empregos. O foco do eleitor municipal é a questão da falta de emprego, de saúde, lazer, saneamento básico, segurança. O que afeta o dia a dia do cidadão”, disse. A entrevista terá transmissão ao vivo, a partir das 18 horas, no Instagram (@baladain) e depois a gravação ficará disponível no IGTV.

O parlamentar destaca que a pandemia fez o Brasil perceber que havia muitas deficiências na saúde, que começaram a ser solucionadas. “Mas é preciso sermos mais humanos. E ampliar a geração de empregos, com incentivos aos empresários, empreendedores, desburocratizar a gestão, a fim de criar novas oportunidades de trabalho para as pessoas”.

Heitor ressalta que seu nome ainda não é tão conhecido dos fortalezenses e quer se apresentar como uma nova opção. “Tenho uma formação acadêmica ampla e experiência internacional, apesar de ainda ser jovem. Faz parte da democracia haver mudanças e a população tem o poder de decidir quem acha ser melhor para conduzir os destinos da cidade”.

Ele disse que tem mantido diálogos muito positivos com o capitão Wagner, de quem é amigo pessoal. “Não tenho escondido estas conversas com o capitão Wagner. O PSL tem candidato próprio para a nossa capital, que sou eu. Mas não descartamos possíveis alianças”, admitiu Freire.

Informou, ainda, que o PSL tem uma chapa completa de vereadores, com 65 candidatos e caso algum deles desista, existe uma lista de espera. “E isso forma uma base forte. Acho que estamos entre os quatro partidos que mais terão assentos na Câmara dos Vereadores, junto com PDT, PT e Pros”.

Finalizou lembrando que é preciso reconhecer que o Brasil vai passar por momentos difíceis nos próximos meses, e como o País tem reservas limitadas e o investidor fica um pouco reticente em aplicar seus recursos, é preciso muita inovação e criatividade para superar os desafios.

“Também precisamos incentivar o turismo doméstico, devido à alta do dólar e o receio das pessoas em realizar viagens de longo curso, para que mais e mais brasileiros possam conhecer o Ceará, pois o Brasil não pode parar”, completou Heitor Freire.

Mais notícias

Ver tudo de Agenda