26 de outubro de 2020

IMPULSO À CARCINICULTURA

Governo Federal amplia para R$ 500 mi a linha de crédito para o FNE-Aquipesca

Uma excelente notícia para os carcinicultores cearenses e do Nordeste de uma maneira geral, onde estão instaladas as maiores fazendas de criação de camarão em cativeiro do Brasil, foi anunciado pelo Governo Federal. A ampliação para R$ 500 milhões da linha FNE-Aquipesca.

Produção de camarão deve ser impulsionada com o FNE-Aquipesca               Foto: Divulgação

Esse volume expressivo de recursos já está disponível para contratação junto ao Banco do Nordeste, com taxas de juros bastante atrativas, a fim de incentivar o aumento da produção do crustáceo. E pode ser obtido por produtores dos mais variados portes.

Dentre os critérios para a concessão dos financiamentos, está a capacidade de pagamento dos contratantes. E os prazos podem ser de até 12 anos, com quatro anos de carência, para os investimentos fixos; e de até oito ano para os semi-fixos, com três anos de carência.

Os recursos poderão ser utilizados para a modernização ou ampliação de empreendimentos já existentes, bem como para a completa implantação de fazendas de criação de camarão. Os empréstimos poderão ser contratados por pessoas físicas ou jurídicas, além de cooperativas ou associação de criadores, mas, neste último caso, os valores são liberados para os associados.

Os interessados poderão buscar os financiamentos de maneira presencial, em qualquer agência do BNB, ou utilizar os canais do banco pela internet. Posteriormente, eles receberão via e-mail a relação dos documentos a serem apresentados para a concessão do crédito, que poderão ser encaminhados também via digital.

Mais notícias

Ver tudo de IN Business