31 de julho de 2020

PROTOCOLO EFETIVO

Arialdo Pinho afirma que o Ceará está pronto para receber turistas estrangeiros

O secretário de Turismo do Ceará, Arialdo Pinho, afirmou que o Ceará está pronto para receber turistas estrangeiros pelo Fortaleza Airport, e que o espaço aéreo cearense sempre esteve aberto para aquelas pessoas que estavam vindo a trabalho, de diversos países do mundo, pois existiam voos diários antes da pandemia do novo coronavírus, e essa demanda praticamente zerou.

Arialdo Pinho defende o trabalho turístico de “destino seguro”                 Foto: Portal IN News

E, mesmo depois da Covid-19, recebendo aqueles que entravam no Brasil por São Paulo ou Rio de Janeiro, desde que estivessem cumprindo as orientações sanitárias e com toda a documentação exigido por lei em ordem. Esta semana, o Governo Federal editou uma portaria reabrindo o espaço aéreo brasileiro para turistas internacionais. As medidas adotadas pelo Governo do Ceará no aeroporto da Capital são rígidas e oferecem segurança aos passageiros.

Na sua opinião, o importante é trabalhar o Ceará como um destino seguro. “Já estamos com um protocolo sanitário excelente, implantado no aeroporto, que passa total confiança. Nossa ideia é que o turista veja aqui um destino seguro. A TAP deve retomar os voos para Fortaleza entre agosto e setembro, e o anúncio deve acontecer em breve. O que está faltando para eles é o fluxo de turistas brasileiros, para garantir a retomada dessas operações. A princípio devem ser um ou dois voos por semana”, explicou.

O titular da Setur lembrou que a Air France retomará os voos entre Paris e a capital cearense no dia 10 de outubro, enquanto a Air Europa reativará a rota Madri-Fortaleza em 2 de novembro. Já a holandesa KLM deve anunciar a retomada dos voos para o outubro ou novembro, mas ainda não definiu uma data.

“Estamos com o Fortaleza Airport preparado para retornar à normalidade de suas operações no decorrer de 2021. A princípio em torno de 40% a 45%, chegando a 75% no final do ano que vem, no que se refere à malha aérea internacional”, disse Arialdo.

Fortal Airport tem equipes da saúde acompanhando a chegada de turistas

Ele lembrou que os voos domésticos já estão com a demanda em elevação. “A gente deve retornar cerca de 70% do que éramos antes da pandemia do novo coronavírus, até janeiro. E acredito que até o final do ano deveremos retomar 100% das operações, principalmente se as vacinas que estão sendo desenvolvidas, forem eficazes”.

Importante, segundo ele, é que a retomada seja realizada de uma maneira bastante segura e responsável. “Neste primeiro momento o que precisamos vender é a confiança de que a pandemia está sob controle em nosso Estado. Principalmente para evitar que haja a possibilidade de contaminação de algum turista aqui, o que poderia gerar muitos problemas”, completou Arialdo Pinho.

Mais notícias

Ver tudo de Negócios