MERCADO DA COMUNICAÇÃO

Agência cearense promove reset com os clientes e ganha prêmio internacional

Por Marcelo - Em 9 de agosto de 2021

Durante a pandemia, o setor da comunicação teve impacto forte, com muitos contratos de propaganda sendo reduzidos ou até mesmo cortados. Entretanto, novas estratégias de mercado foram traçadas, com o objetivo de alcançar as pessoas que estavam mais em casa, devido às restrições de mobilidade.

Thiago Façanha diz que agências tiveram de reavaliar suas estratégias          Foto: Divulgação

De acordo com Thiago Façanha, CEO da Mulato Comunicação, que possui sete anos de atuação no mercado nordestino, foi um momento atípico. A empresa trabalha, principalmente, com marcas cearenses que querem expandir sua atuação em outros estados, bem como aquelas de outros estados que desejam ingressar com seus produtos ou serviços no Ceará.

“Foi um período de reset, no qual as empresas passaram a refletir sobre a sua comunicação com o consumidor, ver como estava a relação com o mercado e seu reposicionamento de marca. Houve muito trabalho interno, tanto que nesta segunda onda de Covid-19 não tivemos nenhum contrato cancelado, até conseguimos novos. E também ações de harmonização com os clientes, colaboradores, parceiros, e até mesmo o meio ambiente, todos os stakeholders”, afirmou Thiago.

Parte da equipe da Mulato Comunicação, que tem forte atuação regional

E o trabalho desenvolvido pela equipe da agência cearense Mulato faturou o bronze do Prêmio Lusófonos da Criatividade, em Lisboa. O festival português busca premiar, homenagear e debater os mercados publicitários e de comunicação dos países de língua oficial portuguesa. Além da premiação, a Mulato foi a agência do Norte e Nordeste do Brasil com mais peças finalistas no Short List.

O bronze da empresa liderada pelo empresário Thiago Façanha aconteceu na categoria Outdoor/Mídia Exterior com uma peça para a Água Lafonte e demonstra a força do mercado publicitário cearense, como destacou o CEO da Mulato. Devido às restrições impostas pela pandemia, a solenidade de premiação ocorreu de maneira online.

“O reconhecimento em solo português, em um festival que reúne os melhores trabalhos publicitários de nove países, trazendo características de cinco continentes, é engrandecedor e me orgulha não só por ter sido minha agência a laureada, mas por ter levado o concorridíssimo e profissional mercado cearense a um lugar de destaque. A Mulato fez o Ceará atravessar o Atlântico para encantar a Europa”, salientou Thiago Façanha.

Em 2019 a Mulato Comunicação conseguiu o maior número de premiações no Prêmio Aboio. Já no ano passado ficou entre as empresas Top 3 do Prêmio Colunistas, que é de nível nacional, ficando na segunda colocação.

Mais notícias

Ver tudo de IN Business