24 de janeiro de 2020

MERCADO EM ALTA

Produção de motos tem melhor resultado desde 2015

Marcos Fermanian (à Direita), Presidente Da Abraciclo, Em Encontro Com A Imprensa Realizado Em São Paulo

Marcos Fermanian (à Direita), Presidente da Abraciclo, durante coletiva de imprensa realizada ontem, em São Paulo. (Foto Divulgação)

Dados da Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares (Abraciclo), apresentados à imprensa na última quinta-feira (23), revelou que a produção de motos no Polo Industrial de Manaus em 2019 fechou com um crescimento de 6,8% em relação a 2018. Foram fabricadas 1.107.758 unidades, contra 1.036.788 unidades em 2018. O resultado é o melhor desde 2015.

De acordo com Marcos Fermanian, presidente da Abraciclo, embora o resultado deva ser comemorado, é importante lembrar que ainda está distante do recorde de 2011, quando a produção chegou a 2,1 milhões de motocicletas produzidas no Brasil. “Para 2020, projetamos novo crescimento, com volume total estimado em 1.175.000 motocicletas, o que representaria um avanço de 6,1% sobre os resultados obtidos pela indústria em 2019“, adianta.

Honda Cg 160 Teve Mais De 300 Mil Unidades Emplacadas Em 2019

Honda Cg 160 Teve Mais De 300 Mil Unidades Emplacadas Em 2019

Fermanian avalia que a busca por veículos de duas rodas se dá pela maior mobilidade, além de serem mais econômicos, flexíveis e ágeis. Além disso, o aumento da confiança do consumidor, maior oferta de crédito e a oferta de novos produtos, com mais tecnologias, vem ajudando o setor a crescer. “O desempenho da economia vai depender da velocidade das reformas. Temos também um componente político que são as eleições municipais neste ano. Mas dentro desse cenário de incertezas, da nossa parte as fabricantes estão preparadas para atender o aumento de demanda”, afirmou.

Deixe seu comentário

Siga o @BaladaIN no Instagram