22 de maio de 2020

FAKE NEWS

PSDB-CE denuncia André Fernandes por quebra de decoro parlamentar na AL

51682672 1205002336316936 8539171557484789760 N 550x550

André Fernandes

O PSDB-CE ingressou com uma representação na Assembleia Legislativa do Ceará contra o deputado André Fernandes (PSL) por quebra de decoro parlamentar, requerendo ao Conselho de Ética da Casa que apure as acusações feitas pelo parlamentar ao secretário de Saúde do Estado, Dr. Cabeto, de pressionar médicos para o fornecimento de atestados de óbito falsos, distorcendo dados relacionados ao número de casos de Covid-19.

Luiz Pontes disse que a postura do deputado foi de má-fé                Foto: Portal IN News

“São denúncias elaboradas de má-fé, tentando atingir a imagem do secretário, com graves consequências sobre a segurança e a saúde da população, em pleno enfrentamento à pandemia do novo coronavírus” afirma o presidente do diretório estadual do PSDB-CE, ex-senador Luiz Pontes.

Esta é a segunda representação do partido tucano contra o deputado André Fernandes por quebra de decoro parlamentar. A primeira foi oficializada em junho de 2019, por denúncia que apontava envolvimento de parlamentares com facções criminosas no Estado.

A ação vem tramitando desde então e está em sua fase final, com parecer do Conselho de Ética recomendando a suspensão do mandato parlamentar de Fernandes por 30 dias. Para ser concluído, no entanto, ainda precisa de passar por votação em Plenário.

Para Luiz Pontes, o ataque por meio de notícias falsas, as famigeradas fake News, é uma afronta e um desrespeito que não se limita à imagem e à reputação do Dr. Cabeto, mas “atinge todos os médicos e outros valorosos profissionais de saúde que atuam na linha de frente no combate da pandemia e que merecem o respeito e reconhecimento de todos os cearenses”.

Além disso, ao representar contra o deputado por uso reiterado de fake news, o PSDB-CE também sai em defesa de um de seus mais destacados membros, pois Dr. Cabeto é filiado ao partido desde 2013 e pertencente ao Diretório Estadual, inclusive sendo vice-presidente de novembro de 2017 até maio de 2019.

“O que visamos, acima de tudo, é o respeito e proteção à população de receber informações verdadeiras, da imagem dos filiados do PSDB, médicos e mesmo da Instituição Parlamentar”, reitera Luiz Pontes.

Mais notícias

Ver tudo de IN Connection