INCLUSÃO DIGITAL

Prefeitura de Fortaleza lança mutirão para cadastrar pessoas a serem vacinadas

Por Marcelo - Em 10 de junho de 2021

Com o objetivo de alcançar a população que não tem acesso à internet ou que não sabe como realizar o cadastro, o prefeito de Fortaleza, José Sarto, anunciou nesta quinta-feira (10), um mutirão de cadastramento na plataforma Saúde Digital. Esta ação possibilitará a inclusão de um número maior de pessoas na campanha de vacinação contra a Covid-19.

José Sarto disse que 500 mil pessoas devem ser verificadas                               Foto: Divulgação

A Secretaria Municipal da Educação realizará a busca ativa junto aos pais ou responsáveis dos mais de 240 mil alunos matriculados na Rede Municipal de Ensino, com o objetivo de identificar, sensibilizar e orientar para que os familiares, que possuem entre 18 e 59 anos, efetuem o cadastro e possam ter acesso à vacina.

Já a Secretaria Municipal dos Direitos Humanos e Desenvolvimento Social e a Coordenadoria Especial de Políticas Públicas de Juventude utilizarão suas bases de dados de atendimento à população para saber quem já efetuou o cadastro no Saúde Digital e quem ainda precisa de algum tipo de apoio para tal.

“Há um contingente enorme de pessoas excluídas digitalmente, sem rede social, sem acesso à internet, e essas pessoas precisam da nossa ajuda. Serão mais de 500 mil pessoas verificadas, em busca ativa, se já possuem o cadastro. É uma ação de suma importância para que a gente dê celeridade, com democracia, à vacinação. A vacina de Fortaleza é para todos e todas”, ressaltou José Sarto.

O anúncio foi feito durante live nas redes sociais, com a participação dos secretários da Saúde, Ana Estela Leite; da Educação, Dalila Saldanha; dos Direitos Humanos e Desenvolvimento Social, Cláudio Pinho, e do coordenador especial de Políticas da Juventude, Davi Gomes.

Além dessa busca ativa, a Prefeitura de Fortaleza vai oferecer atendimento presencial a partir desta segunda-feira (14), nos 27 Centros de Referência da Assistência Social (CRAS), nos Cucas do Jangurussu e do José Walter, e no Centro Cultural Canindezinho. Nesses locais, o público será recebido de segunda a sexta-feira, das 8 às 17 horas.

Mais notícias

Ver tudo de IN Connection