CARIRI E CENTRO-SUL SÃO EXCEÇÃO

Novo decreto libera funcionamento de todas as séries do ensino médio, além de cinemas, bibliotecas e museus no Estado

Por Marcelo - Última Atualização 14 de junho de 2021

O governador Camilo Santana anunciou, no início da tarde desta sexta-feira (11), que após a reunião do Comitê Estadual de Enfrentamento à Covid-19, ficou decidido que a partir da próxima segunda-feira (14), está autorizado o funcionamento das escolas de ensino médio em todas as suas séries. Junto do secretário de Saúde, Dr. Cabeto, também mostrou os dados da vacinação e outras ações de combate à pandemia.

Também foi autorizada a abertura de bibliotecas, museus e cinemas, com capacidade limitada e protocolos sanitários estabelecidos no decreto que será publicado no Diário Oficial do Estado. O documento libera, ainda, o aumento do percentual de pessoas que podem frequentar igrejas, templos, academias e parques; bem como libera os espaços públicos para a prática esportiva, como Areninhas e praças.

Camilo Santana e Dr. Cabeto mostraram os números e anunciaram as decisões do novo decreto estadual            Foto: Divulgação

Tais decisões valem para as macrorregiões de Fortaleza; Litoral Leste/Jaguaribe, Sertão Central, Região Norte/Sobral. A única exceção está no Centro-Sul e no Cariri cearenses. Além disso, o toque de recolher continua mantido a partir das 23 horas até às 5 horas, em todo o Estado.

“Cabe à macrorregião do Cariri e Centro-Sul manter todas as restrições do decreto anterior, visto que os dados daquela região são preocupantes. E para todos os municípios com indicadores altos, que façam as restrições específicas, diante de cada realidade. Quero parabenizar os prefeitos e prefeitas que têm adotado estas medidas”, afirmou Camilo.

Na próxima semana o comitê vai decidir os protocolos para o retorno das feiras livres nas quatro macrorregiões que avançaram no decreto que entrará em vigor a partir do próximo dia 21. E quero parabenizar a todos os profissionais de saúde que têm sido guerreiros, tanto os que estão nas UPAs, nos hospitais, quanto aqueles que estão vacinando. Não vamos descansar enquanto todos os cearenses estiverem vacinados”, completou Camilo Santana.

As decisões foram adotadas por causa da significativa queda de novos casos em praticamente todas as macrorregiões de saúde do Ceará, que já se aproximam de 20%, especialmente na de Fortaleza. A exceção continua sendo a Região do Cariri, que ainda está na faixa de 50% de testagem realizada via swap nasal.

O chefe do Executivo estadual ressaltou, ainda, que a campanha de imunização continua avançando, sendo que o Ceará já conta com 3.127.980 vacinas aplicadas, sendo 2.037.033 da primeira dose e outras 1.090 947 da segunda, completando o ciclo de vacinal.

Mais notícias

Ver tudo de IN Connection