23 de março de 2020

EXPERIMENTAL

Hospitais de referência no Brasil iniciam estudos sobre os principais efeitos da hidroxicloroquina contra o Covid-19

Os hospitais Albert Einstein, Sírio-Libanês e HCor estão realizando uma série de testes com relação aos efeitos da hidroxicloroquina no tratamento de pessoas infectadas com o novo coronavírus, inclusive contando com a autorização do Governo Federal.

Hospital Albert Einstein vai estar à frente dos estudos                                                                                   Foto: Divulgação

O objetivo é tratar as pessoas que estão internadas com o Covid-19, bem como tentar conter a expansão da pandemia no País. A liderança dos estudos está a cargo do Hospital Albert Einstein, e de acordo com as expectativas do diretor-superintendente de Pesquisas do Einstein, Luiz Vicente Rizzo, em até dois meses os resultados já deverão ser constatados.

Os testes sobre a eficácia desse e outros medicamentos serão realizados em diferentes fases da infecção. Serão administrados em pacientes de UTI, nos que apresentaram sintomas leves da doença ou que acabaram de chegar às unidades de saúde participantes do estudo.

Segundo Rizzo, esse estudo é inovador no Brasil, pois é realizado em grupo e com maior flexibilidade para mudar pacientes de grupo, caso haja resposta melhor a esse ou aquele tratamento. E aberto à inclusão de novos medicamentos que se mostrem eficazes, no decorrer do ensaio clínico.

Mais notícias

Ver tudo de IN Connection