EXPECTATIVA POSITIVA

Governo do Ceará espera vacinar toda a população acima de 18 anos até agosto

Por Marcelo - Em 8 de junho de 2021

O Governo do Ceará espera vacinar 100% da população cearense com 18 anos ou mais até o próximo mês de agosto, caso a importação da vacina russa Sputnik V seja acelerada, uma vez que o Estado já adquiriu 5,87 milhões de doses, e o envio de doses pelo Ministério da Saúde se mantenha em níveis satisfatórios. A previsão foi revelada pelo secretário de Saúde do Ceará, Dr. Cabeto, nesta terça-feira (8).

Apesar de não poder afirmar categoricamente este prazo, a Sesa informou, em nota oficial, que existe uma possibilidade viável. “De acordo com o número de pessoas cadastradas no Saúde Digital com idade entre 18 e 59 anos (1.243.049 até 07/06/2021), as negociações de compra direta de vacinas de outros laboratórios e considerando o recebimento regular de imunizantes distribuídos pelo Ministério da Saúde, existe uma projeção de vacinar a população em geral dessa faixa etária, com primeira dose, até o fim de agosto”.

Cearense têm sido vacinados em ritmo acelerado na Região Nordeste               Foto: Divulgação

Outra boa notícia referente à campanha de imunização, destacada pelo governador Camilo Santana em suas redes sociais, é que o Ceará chegou a 3.066.573 doses de vacinas contra a Covid-19 aplicadas em todo o território estadual, de acordo com a ferramenta digital Vacinômetro.

“Seguimos trabalhando, em parceria com os municípios, para que os cearenses sejam vacinados o mais rápido possível. Com 11,86%, estamos em primeiro lugar no Nordeste e em quatro no País, entre os estados que mais aplicaram a segunda dose, segundo dados do Consórcio Nacional de Veículos de Imprensa”, disse.

Ele lembrou, ainda, que parte das doses que o Ceará recebe são armazenadas para aplicação da segunda dose, seguindo a orientação do próprio Ministério da Saúde. “Agradeço a todos os profissionais de saúde pelo empenho. A vacinação em massa é o único caminho para superarmos essa pandemia”, completou Camilo Santana.

Mais notícias

Ver tudo de IN Connection