10 de novembro de 2020

TESTES SUSPENSOS

Camilo Santana critica “disputa política” em relação à vacina contra a Covid-19

O governador Camilo Santana criticou de maneira veemente o posicionamento de conflito existente entre o presidente da República, Jair Bolsonaro, e o governador de São Paulo, João Dória, com relação à vacina contra o coronavírus desenvolvida pelo laboratório chinês Sinovac, a CoronaVac.

Camilo Santana disse que caso da vacina não deve ser politizado                   Foto: Divulgação

“Grave e inaceitável que uma questão que envolva vidas, como o importantíssimo processo de desenvolvimento de uma vacina contra a Covid-19, seja transformado numa disputa política mesquinha em nosso país. Os brasileiros não merecem isso”, destacou Camilo em suas redes sociais.

A disputa política à qual o governador cearense se refere é com relação à suspensão dos testes com a CoronaVac, que vinham sendo realizados em parceria com o Instituto Butantan, de São Paulo, após um evento adverso grave, que teria sido “comemorado” por Bolsonaro e que, a princípio, teria sido um óbito.

Entretanto, esta morte não foi confirmada pelas autoridades sanitárias, pois teria havido a falta de informações oficiais sobre o problema. Mas a Anvisa decidiu suspender os testes com a CoronaVac nesta terça e não há definição de um prazo para a retomada dos estudos clínicos sobre a vacina.

Mais notícias

Ver tudo de IN Connection