QUASE O DOBRO DO ESTIMADO

Camilo Santana autoriza o pagamento de quase R$ 20 milhões em apoio para os profissionais do setor de eventos no CE

Por Marcelo - Em 13 de abril de 2021

O governador Camilo Santana anunciou na noite desta terça-feira (13), durante uma Live em suas redes sociais, que o Governo do Ceará praticamente dobrou o número de profissionais do setor de eventos beneficiados com o auxílio financeiro de R$ 1 mil – em duas parcelas de R$ 500,00. Serão quase R$ 20 milhões repassados a estas pessoas, devido às medidas de isolamento social rígido impostas no Estado.

Camilo Santana destacou a importância do setor de eventos no Ceará              Foto: Divulgação

A primeira parcela inicia no dia 20 deste mês. “Todos os 19.830 inscritos que tiveram o cadastro aprovado receberão o auxílio. Nossa previsão inicial era de realizar o pagamento a 10 mil profissionais do setor. Isso representa um investimento de quase R$ 20 milhões para os trabalhadores deste setor tão importante para o Estado e que têm sofrido muito neste momento de restrições”, disse.

Também sancionou a lei que isenta por dois meses o pagamento da taxa paga à Arce pelo setor de transporte de passageiros. “Além disso, sancionei a lei que cria o Auxílio Cesta Básica, que vai beneficiar cerca de 150 mil famílias cearenses com o valor de R$ 200,00”, lembrou Camilo.

E ressaltou que o Ceará é o estado brasileiro a implementar ações para proteger e apoiar as famílias cearenses. “Tenho conversado com alguns parlamentares e talvez não tenha um estado no Brasil que tenha tantas medidas importantes de apoio como o Estado do Ceará tem feito”.

Na oportunidade, o chefe do Executivo estadual destacou que o Governo do Ceará já abriu 4.946 leitos – sendo 3.651 de enfermaria e 1.295 de UTI, exclusivos para o atendimento aos pacientes infectados pela Covid-19 no Estado, que são quase 2.000 a mais do que foram abertos na primeira onda.

Lembrou que tem buscado de maneira incansável a busca por vacinas para a imunização da população e que iniciou a abertura das atividades econômicas no Estado. Mas as pessoas precisam colaborar com as ações preventivas, especialmente os mais jovens.

“Ainda estamos na pandemia e é fundamental intensificarmos os cuidados. O nível de transmissão ainda é alto, mas as pessoas precisam colaborar, evitando aglomerações, usando máscaras e tomando todas as precauções. Vamos vencer este desafio”, completou Camilo Santana.

Mais notícias

Ver tudo de IN Connection