ATUAÇÃO DE EXCELÊNCIA

Camilo defende a gestão de pessoas para garantir a qualidade dos serviços públicos na Brazil Conference at Harvard & MIT

Por Marcelo - Em 16 de abril de 2021

O governador Camilo Santana participou na tarde desta sexta-feira (16), de um amplo debate durante o painel “Gestão de pessoas no serviço público”, no seminário Brazil Conference at Harvard & MIT 2021, que contou com a participação de Weber Sutti, diretor de Projetos na Fundação Lemann, e Cibele Franzese, professora da FGV/EAESP. Ele destacou que aprimorar essa gestão é fundamental para que sejam oferecidos melhores serviços e, com isso, melhorando a qualidade de vida da população.

Camilo disse que a economia do futuro é a do capital humano                           Foto: Divulgação

“Essa pandemia mostra claramente a importância do papel do Estado na garantia da qualidade de vida da população, saúde, segurança. E, principalmente, na entrega dos serviços públicos, que precisa se transformar num serviço de excelência. No Ceará, 80% da população depende do SUS. Então ele tem de acolher com qualidade. O serviço público só consegue fazer uma boa entrega, dependendo da gestão das pessoas, que são fundamentais no processo”, disse.

Ele lembrou que a economia do futuro é a do capital humano, a qualidade dos investimentos que se faz nas pessoas. Precisamos valorizar o servidor público dentro do princípio da meritocracia e medir os resultados das entregas. Inclusive temos no Ceará o Planeja Gente, que é um planejamento de longo prazo importante para o Estado e que deve ser buscado, pois existe uma Lei de Responsabilidade Fiscal que precisa ser cumprida.

Sobre a pandemia de Covid-19, o chefe do Executivo cearense destacou que foi criado um sistema de transparência, que é o IntegraSUS, onde a população tem acesso às informações que já recebeu premiações nacionais e internacionais, bem como a implantação de compliance dentro da Secretaria de Saúde.

“E ontem mesmo saiu numa das mais importantes revistas científicas do mundo, a Science, citando o Ceará como um estado resiliente no combate à pandemia da Covid-19. Mostrou um case do Estado, que conseguiu reduzir os danos causados com uma série de ações, que para mim já é fruto desse conceito de gestão de pessoas dentro da nossa Secretaria de Saúde”, afirmou.

E que esse case da Sesa será transformado numa central para toda a gestão do Governo do Ceará, não apenas para a saúde, para a educação. “Queremos transformar isso numa política de Estado, não apenas de Governo, para ter prosseguimento. Compreendemos que a qualidade, a eficiência dos serviços públicos, dependem muito da gestão das pessoas”, salientou Camilo Santana.

Debate foi transmitido pelo Youtube e contou com a participação de dois especialistas reconhecidos internacionalmente

Mais notícias

Ver tudo de IN Connection