22 de outubro de 2020

INDICAÇÃO DE BOLSONARO

Senado aprova o nome de Alexandre Rangel para assumir a direção da CVM

O Senado Federal aprovou, em sessão plenária híbrida realizada nesta quarta-feira (21), o nome do advogado Alexandre Costa Rangel para o cargo de diretor da Comissão de Valores Mobiliários (CVM). O placar da votação foi 50 a favor e 11 contrários.

Alexandre Rangel deve estar à frente da CVM até dezembro de 2024             Foto: Divulgação

Confirmada a indicação do presidente Jair Bolsonaro, Rangel estará à frente deste importante órgão até 31 de dezembro de 2024. Ele vai assumir vaga no cargo de direção após término do mandato de Carlos Alberto Rebello Sobrinho.

Alexandre Rangel atua nas áreas de fundos de investimento e Direito Societário. É sócio-fundador do Costa Rangel Advogados e já trabalhou no escritório Chediak Advogados. Foi assessor do colegiado da CVM e assessor jurídico de integrante do Conselho de Recursos do Sistema Financeiro Nacional.

A CVM é uma autarquia vinculada ao Ministério da Economia que fiscaliza, normatiza, disciplina e desenvolve o mercado de valores mobiliários no Brasil. Além de ter a prerrogativa de aplicar punições àqueles que descumprem regras estabelecidas. (Com informações da Agência Brasil)

Mais notícias

Ver tudo de IN Business