O mês de março é tradicionalmente marcado pelas comemorações do dia de São José, que foi carpinteiro por profissão e é o padroeiro dos artesãos. Com o intuito de homenagear o santo, o Iguatemi Fortaleza recebe a exposição “Arte do Sertão”, com obras de artistas cearenses que residem em municípios como Nova Olinda, Juazeiro do Norte, Aracati, Limoeiro do Norte São Gonçalo do Amarante e Fortaleza.

“O artesanato cearense é reconhecido como um dos mais diversos e impactantes do país. A exposição surge com objetivo de reverenciar o talento dos nossos artesãos no mês do seu padroeiro”, destaca o superintendente do Shopping, Wellington Oliveira.

A exposição poderá ser vista no piso L1, próximo a loja Magazine Luiza entre os dias 16 e 24 deste mês, de 10 às 22 horas. O artesanato será exibido em peças de couro, madeira, barro, ferro, crochê, renda de Bilro, fio cru de algodão, areia colorida, redes de bordado, fuxico, retalho e feltro, feitos por artistas como Espedito Seleiro, Heloisa Rios, Janjão e Francisco Jailson

Falando nisso, no dia do feriado (19) o local funcionará normalmente, tendo suas lojas, cinemas, e praças de alimentação abrindo de 10 às 22 horas.

Obas de Espedito Seleiro

Foto: Reprodução 

Genice Brandao

Onélia Santana que ampliar o mercado do artesanato cearense

01 de Março de 2019 . Por Gabriela Santiago

Com o objetivo de traçar novas estratégias de promoção, divulgação e ampliação do mercado do artesanato cearense, a primeira-dama do Ceará, Onélia Santana, visitou no início da semana o D&D Shopping, em São Paulo, onde se reuniu com a superintendente do empreendimento, Angela Tamiko Hirata, a responsável pelo Markentig do local, Danieli Mastropietro, e o diretor do World Trade Center São Paulo, João de Nagy.

Na reunião, Angela, que tem vasta experiência na representação de negócios internacionais, vendas e desenvolvimento de mercados, pôde conhecer os resultados do setor no Estado, que ganhando destque Brasil afora e tem o reconhecimento do governador Camilo Santana. A diretora da Casa Cor Ceará, Neuma Figueiredo, também esteve presente ao encontro.

"Nossa riqueza precisa ser levada para os quatro cantos do mundo, por isso apresento, com muito orgulho, nossas belíssimas peças artesanais. Mostrar nossa cultura e trocar experiências é resultado de sucesso no fortalecimento do artesanato cearense", destacou Onélia Santana.

Onélia Santana, Angela Tamiko Hirata e Neuma Figueiredo 

Foto: Divulgação 

sebrae

Onélia Leite leva produtos da Ceart ao DFB 2017

25 de Maio de 2017 . Por Helena Demes

Com o objetivo de fomentar o artesanato cearense, a primeira-dama do Ceará, Onélia Leite, em parceria com o Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Social (STDS), por meio do secretário Josbertini Clementino, promove exposição dos produtos da Central de Artesanato do Ceará (Ceart) no DFB 2017, que acontece no Terminal Marítimo de Passageiros do Porto de Fortaleza até o próximo sábado (27). 

E nesta quinta (25), às 17h, na Sala das Marés, 12 adolescentes cearenses do projeto Tramas e Sonhos, criado por artesãs do litoral oeste do Ceará, realizarão o sonho de subir pela primeira vez na passarela. A iniciativa, que tem o objetivo de lançar novas caras para o mundo da moda, recebeu o apadrinhamento da primeira-dama do Estado, Onélia Leite de Santana.

Considerado um dos artesanatos mais ricos do Brasil, serão disponibilizadas peças do artesanato cearense em fios e tecidos (renda de bilro, filé, crochê e bordado), madeira, papel, couro, argila e arte popular. Atualmente, a Ceart conta com cerca de 42 mil artesãos cadastrados, que produzem mais de nove mil itens, com preços a partir de R$ 5,50.

Onélia Leite e Camilo Santana

Foto: Balada In

  • Onélia Leite e Josbertini Clementino
    Onélia Leite e Josbertini Clementino