HAISA

Newsedan Jeep se destaca e torna-se líder em vendas no Nordeste

08 de Setembro de 2017 . Por Jota Pompílio

A concessionária cearense que representa a Jeep no Estado, a Newsedan, nesse feriadão, pode comemorar e colher os bons frutos de uma ótima notícia para a instituição: tornou- se a número um em vendas de modelos Jeep na Região. Outras praças, algumas com bastante tempo em atividade, como Salvador, Recife e Natal ficaram para trás.  De janeiro a agosto, a Newsedan Fortaleza vendeu 200 modelos da Jeep em suas duas lojas. Em segundo e terceiro ficaram João Pessoa (72) e Recife (55) respectivamente. Detalhe: a autorizada de João Pessoa também pertence ao Grupo.  

No varejo, de todos os modelos premiums que a concessionária negocia (Mercedes, Dodge, Chrysler...), a autorizada cearense também se manteve na ponta, com 854 vendidos no mercado. Isso de janeiro a agosto.  Em segundo vem Recife (396) e em terceiro a Newsedan João Pessoa (321). 

Para Rodrigo Carvalho, diretor geral da Newsedan, o segredo está depositado “na confiança dos clientes na força da marca Newsedan/Newland, aliada a boas estratégias e um atendimento diferenciado”. Sobre a liderança, ele pondera que é um resultado de ações de relacionamento, “investimento na publicidade certa e a qualificação das nossas equipes”.

Dos modelos que mais saíram para quem pensou que foi o Renegade, errou. Foi o Compass. “Nesse momento, o Compass é o nosso protagonista, líder absoluto no mercado SUV, mas não esquecendo o Renegade que com as evoluções tecnológicas elevou o volume de vendas, trazendo-o para o patamar de líder na categoria”, ressalta.

Sobre planos futuros, Rodrigo afirma que agora “é hora de consolidar a liderança e intensificar esforços para continuarmos crescendo em 2018”, finaliza. 

Ranking

1-) Newsedan Jeep Fortaleza – 200 modelos*    

2-)Newsedan Jeep João Pessoa- 72 modelos

3-)Via Sul Ibiribeira Recife- 55 modelos

4-) Fiori Jeep Agamenon Recife- 44 modelos

5-)Fiori Paralela Salvador- 40 modelos

*Modelos vendidos de janeiro a agosto de 2017.