Carmais-Honda Nova Luz

Embratur deve ser alçada ao nível de agência, em novembro

08 de Outubro de 2019 . Por Marcelo Cabral

O presidente Jair Bolsonaro deve assinar, no próximo dia 6 de novembro, a MP que visa transformar a Embratur em agência de promoção turística independente, possibilitando um maior fluxo de recursos para a divulgação internacional do destino Brasil.

“A proposta de PL que elaboramos em 2017, enquanto presidente da Embratur, e que foi enviada à Câmara Federal, transformando a Embratur em agência, nos moldes da Apex-Brasil e com recursos de contribuição social da Lei 8.029 (Sebrae), vai se transformar em Medida Provisória em 6 de novembro”, disse Vinícius Lummertz, que hoje é secretário do Turismo de São Paulo.

“Com isso o Brasil terá uma agência com mais de R$ 400 milhões para promover o País no exterior. É motivo de grande alegria para mim e para todos os que lutaram pela iniciativa. O Brasil vai colher bons frutos”, ressaltou.

Segundo o atual presidente da Embratur, Osvaldo Matos, depois da assinatura da MP, a agência independente poderá abrir lojas em capitais no exterior, com o objetivo de vender o destino Brasil, além de produtos com a marca do País, gerando ainda mais recursos para a agência.

O extenso litoral cearense tem praias que atraem milhões de turistas, todos os anos

Foto: Divulgação

  • Vinícius Lummertz e Manoel Linhares
    Vinícius Lummertz e Manoel Linhares