Ldb-apoio

Roberto Cláudio alinha detalhes sobre intervenções no Centro

09 de Agosto de 2018 . Por Marcelo Cabral

O prefeito Roberto Cláudio esteve reunido com o presidente da CDL de Fortaleza, Assis Cavalcante e junto com o secretário do Centro, Adail Fontenele e o vereador Michel Lins, debateram as primeiras intervenções a serem realizadas na área central, a partir do mês que vem.

Contando com duração de 12 meses, ocorrerão obras de baixo impacto em seis eixos: habitação, apoio a pessoas em situação de rua, turismo e cultura, infraestrutura e mobilidade, ordenamento do comércio informal, além de segurança e fiscalização. O projeto finalizado deve ser apresentando na segunda quinzena deste mês.

Na parte de mobilidade urbana estão programadas duas ações para as ruas Guilherme Rocha e Liberato Barroso, sendo dois calçadões, envolvendo sete quadras, que receberão piso intertravado de concreto, nova iluminação e instalação de quiosques padronizados para os ambulantes.

Também será feira uma faixa de pedestres elevada, acompanhando a via da calçada, para ligar os dois calçadões e priorizar o trânsito de pedestres. Já no eixo da habitação, a Prefeitura prevê estimular a moradia, por meio de programas sociais que devem beneficiar quem trabalha no Centro e quem mora nas ruas do bairro. 

Técnicos da gestão municipal analisam imóveis abandonados para que eles se tornem residências, depois de passarem pelas devidas adaptações e reformas. “Essas intervenções foram estudadas durante o fórum, quando elaboramos o plano estratégico e colaborativo para o Centro de Fortaleza. Estamos esperançosos de que todas essas mudanças vão reordenar o lugar e urbanizar partes importantes do Centro”, explicou Assis Cavalcante.

O Centro concentra cerca de 11% do total arrecado de ICMS em Fortaleza. É a segunda região que mais arrecada para o Estado do Ceará, perdendo apenas para a própria Capital (72%). Em terceiro lugar está Maracanaú (6,5%) e em quarto, o município de Aquiraz (3,2%).

Roberto Cláudio explicou a Assis Cavalcante os detalhes das intervenções que serão realizadas

Foto: Divulgação

  • Centro de Fortaleza
    Centro de Fortaleza