Fiec - selos

Mercado imobiliário em ritmo de expansão

13 de Novembro de 2017 . Por Balada In

As vendas de imóveis residenciais verticais estão crescendo no Ceará, mostrando que a economia, aos poucos, vai se recuperando e reiniciando a retomada da expansão. Isso é o que mostra a pesquisa Flash Imobiliário, realizada pela Lopes Immobilis, relativa ao mês passado.

Segundo o levantamento, em outubro foram comercializados 146 apartamentos, contra 141 em igual mês de 2016, representando uma alta de 4%. Já o VGV (Valor Geral de Venda), atingiu a marca de R$ 123 milhões, uma elevação de 8% na comparação com os R$ 114 milhões de outubro do ano passado.

No acumulado de janeiro a outubro deste ano, os resultados também foram positivos, com 1.739 apartamentos vendidos (+8%) e um VGV total de R$ 1,42 bilhão, representando um expressivo crescimento de 32%. Isso porque, nos dez primeiros meses de 2016 o mercado imobiliário de Fortaleza comercializou 1.614 unidades, com um valor acumulado de R$ 1,08 bilhão.

E a perspectiva é que este ano feche os números do setor com um crescimento de 19% frente a 2016, pois se for mantida a média mensal de 164,9 unidades comercializadas nos dois últimos meses de 2017, será possível atingir a marca de 1.978 apartamentos vendidos na capital cearense.

O diretor da Lopes Immobilis, Ricardo Bezerra, lembra que esta é uma janela de oportunidades que está prestas a se fechar. As vendas estão crescendo, os juros mais baixos e os descontos oferecidos pelas construtoras, facilitam as negociações. 

Tanto que o estoque geral de Fortaleza conta, hoje, com 6.868 unidades disponíveis para comercialização, o que representa um VGV de R$ 4,6 bilhões. Mas este volume vem caindo no decorrer de 2017, já atingindo uma redução de 11,2%.

 

Estoque de imóveis em poder das construtoras vem reduzindo ao longo deste ano

Foto: Divulgação

  • Ricardo Bezerra e Duda Brígido
    Ricardo Bezerra e Duda Brígido