M Dias Branco Logo

Camilo parabeniza deputados estaduais cearenses

01 de Fevereiro de 2019 . Por Marcelo Cabral

O governador Camilo Santana participou da solenidade de posse dos deputados estaduais que vão realizar estar à frente do Poder Legislativo cearense pelos próximos quatro anos, na Assembleia Legislativa do Ceará.

Ele aproveitou a oportunidade para mandar uma mensagem de apoio e congratulação a todos, antes de embarcar para Brasília, onde foi acompanhar as cerimônias de posse dos novos deputados federais e senadores eleitos pelos cearenses em outubro último.

“Desejo sucesso a cada um dos parlamentares e parabenizo ao novo presidente, deputado José Sarto, e aos integrantes da nova Mesa Diretora. Boa sorte na condução da AL na sua missão de contribuir para o desenvolvimento do nosso Ceará”, asseverou Camilo.

Onélia e Camilo Santana, ao lado de José Sarto e de Zezinho Albuquerque, na Assembleia

Foto: Divulgação

  • Juramento dos deputados
    Juramento dos deputados
Pipo

FIEC promove curso de formação de preços de exportação

01 de Fevereiro de 2019 . Por Marcelo Cabral

A FIEC está com inscrições abertas para o curso “Formação de preços de exportação”, a ser realizado nos dias 20 e 21 de fevereiro. A promoção desse qualificação é do Centro Internacional de Negócios (CIN), que tem relevante atuação no apoio aos empresários que querem vender seus produtos no exterior.

O objetivo da capacitação é apresentar aos participantes aspectos gerais da exportação, tratamento tributário, condições de compra e venda e formação de preço com a finalidade de preparar a entrada de empresas no mercado externo.

O curso é voltado para profissionais que atuam em empresas de exportação ou em departamentos de comércio exterior, que planejam investir na sua formação contínua. Também se destina a empresários, bem como estudantes que desejam ingressar na área.

A qualificação será ministrada por Fellipe Calado Lima, pós-graduado em Comércio Exterior, com experiência na exportação e importação voltadas ao agronegócio, negociação de preços e Siscoserv. É sócio da empresa Expand Brazil e facilitador de capacitações em fluxograma da exportação, Siscoserv, Siscomex e documentação internacional. 

Pecém é o principal porto exportador do Ceará e já firmou parceria com o de Roterdã

Foto: Divulgação

  • Indústria química
    Indústria química
Iguatemi

Embrapii e Israel têm US$ 10 milhões a projetos inovadores

01 de Fevereiro de 2019 . Por Marcelo Cabral

A aproximação entre Brasil e Israel pode ser uma oportunidade de negócios e de pesquisas para o Ceará. Isso porque a Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial (Embrapii) e a Autoridade de Inovação de Israel (IIA) vão destinar US$ 10 milhões a projetos inovadores realizados em conjunto por empresas com sede nos dois países.

O objetivo é ampliar a competitividade da indústria nacional e promover a cooperação tecnológico-econômica entre Brasil e Israel. Para inserir projetos cearenses no cenário internacional, o deputado estadual Carlos Matos articulou uma reunião entre representantes de Israel (professores Raphael Bar El e David Bentonila); do IFCE; do Governo do Ceará; empresários e a diretora do Polo Embrapii IFCE Fortaleza, Cristiane Borges.

Carlos Matos lembra que a parceria entre Israel e o Estado já rendeu frutos importantes para o desenvolvimento social do Ceará e que, agora, o momento é ainda mais propício. “O projeto Caminhos de Israel é um exemplo. Agora, além de pensarmos projetos para a área da agricultura, podemos discutir e ouvir as demandas das empresas nas áreas de energia e ciências da vida”, explica o parlamentar.

O professor israelense Raphael Bar El defende um modelo de inovação amplo. “É importante que o Ceará nos aponte quais são as demandas pontuais das empresas. O problema é que muitas vezes o empresário não sabe ainda quais são as reais necessidades dele, por isso temos que fazer com que ele enxergue as possibilidades”, ressalta o especialista.

Após o fechamento do edital, no dia 18 de abril de 2019, a Embrapii e o IIA farão uma análise conjunta das propostas e a divulgação dos projetos selecionados está prevista para acontecer no próximo mês de agosto.

Representantes de Israel e do Ceará discutiram as possibilidades de cooperação tecnológica

Foto: Divulgação

  • Usina de dessalinização
    Usina de dessalinização
Genice Brandao

Empresa familiar precisa de expertise na transição

01 de Fevereiro de 2019 . Por Marcelo Cabral

Uma pesquisa da PwC revela que, em nível global, somente 12% das empresas familiares chegam à terceira geração. No Brasil, esse número é ainda menor. Além disso, cerca de 90% das existente no País são desse tipo (cerca de 7 milhões). Dessas, apenas 30% chegam à segunda geração e somente 5% chegam à terceira.

O maior desafio das empresas é encontrar quem será o profissional que irá substituir o fundador e saber a forma correta de fazer a transição. “A dificuldade do empresário em aceitar o momento adequado para a sua sucessão, entre outros motivos, têm acarretado na extinção da grande maioria das empresas familiares”, destaca Leonardo Theon de Moraes, advogado especialista em Direito Empresarial.

Para evitar que isso ocorra, é necessário usar estratégias e planejamento. “O planejamento patrimonial e sucessório tem possibilitado às empresas familiares maior organização, segurança e eficácia na governança, pois ele permite a disposição e a partilha dos bens e, ainda, economia tributária”, explica o advogado.

No Ceará, o Grupo Edson Queiroz é um bom exemplo de que é possível ter sucesso, durante décadas, mesmo sendo uma empresa familiar. Basta que os integrantes da família se especializem e busquem profissionais com expertise no mercado, para que o sucesso possa crescer a cada ano, como é o caso do conglomerado cearense.

Outro grande grupo empresarial do Ceará, a M. Dias Branco, também representa um case de sucesso familiar. Sua estrutura operacional conta com 15 unidades industriais e 37 filiais comerciais distribuídas em diferentes estados do País, com suas marcas presentes em todo o território nacional, assim como em mais de 30 países.

Indaiá é uma das maiores fabricantes de água mineral e refrigerantes do Brasil, atualmente

Foto: Divulgação

  • Moinho Dias Branco
    Moinho Dias Branco
  • Leonardo Theon
    Leonardo Theon
Prefeitura de Aracati - Selos Notas

Prefeito busca apoio, em Brasília, para habitação em Fortaleza

01 de Fevereiro de 2019 . Por Marcelo Cabral

O prefeito Roberto Cláudio esteve esta manhã em Brasília, onde reuniu-se  com o secretário Nacional de Habitação, Celso Toshito Matsuda, para tratar de projetos de construção de unidades habitacionais e equipamentos públicos para atendimento na área de Educação, às famílias beneficiadas com o programa habitacional em Fortaleza.

Ele apresentou um relatório sobre o estágio em torno dos projetos em andamento, junto com a secretária Olinda Marques, alguns com unidades prontas e que deverão ser entregues nos próximos meses. O prefeito convidou o secretário para visitar Fortaleza quando da entrega das novas quatro mil unidades habitacionais.

Outro tema tratado na reunião foi a proposta de reocupação de imóveis no Centro de Fortaleza, com a liberação de recursos que permitam reformas e adaptação de prédios que podem combinar atividades comerciais com moradia.

“Já vamos iniciar fazendo isso com recursos próprios do Município, mas gostaria de ampliar essa política porque temos no Centro de Fortaleza 620 imóveis que podem ser adaptados para atender às necessidades de moradia de comerciários e outros profissionais que trabalham na região central da cidade”, disse Roberto Cláudio.

Em resposta, ouviu do secretário Celso Matsuda que esse apoio é plenamente possível e que a equipe da Prefeitura de Fortaleza já pode ir trabalhando na formatação desse projeto, pleiteando recursos do Governo Federal.

O secretário Nacional de Mobilidade, Jean Carlos Pejo, também participou da reunião e anunciou o desejo apoiar projetos de Fortaleza na área de mobilidade, “um setor em que a Prefeitura da capital cearense tem alcançado destaque, inclusive ganhando prêmios internacionais”, afirmou.

Esse apoio é em decorrência do Sustainable Transport Award (Prêmio de Transporte Sustentável) – competição global de projetos e intervenções inovadoras que promovem a mobilidade urbana de forma sustentável e inclusiva, conquistado por Fortaleza em 2018. 

Roberto Cláudio conversou com Celso Matsuda e Jean Carlos Pejo, junto com Olinda Marques

Foto: Divulgação

  • Prêmio Internacional
    Prêmio Internacional