Logo Ironman

Roberto Cláudio entrega requalificação de posto de saúde

04 de Junho de 2019 . Por Marcelo Cabral

Acompanhado do presidente da CMFor, Antônio Henrique, o prefeito Roberto Cláudio entregou a requalificação do Posto de Saúde Virgílio Távora, localizado no bairro Cristo Redentor, que atende a cerca de 27 mil residentes das comunidades do entorno, com o objetivo de melhoria dos serviços de atenção primária.

A unidade da Secretaria de Saúde recebeu novas bancadas da sala de vacinação e do laboratório, instalação da porta de chumbo da sala de Raio-X do consultório odontológico, entre outras melhorias.

O posto conta com seis equipes da Estratégia Saúde da Família (ESF) com a capacidade de realizar cerca de 360 atendimentos por dia, como consultas, atendimento odontológico, exames laboratoriais, vacinação, testes rápidos, dentre outros serviços.

O prefeito ressaltou que outros serviços de saúde foram implementados na região, como a CAPs AD, e início das reformas de outros dois postos de saúde Guiomar Arruda e Floresta. 

“E o programa Médico Família Fortaleza vai completar, a partir de julho, as seis equipes do Programa de Saúde da Família, para que a comunidade possa ser bem atendida", disse Roberto Cláudio.

Mini areninha

E logo mais, às 18 horas, a Prefeitura de Fortaleza entrega mais um equipamento de esporte e lazer, com a presença do prefeito Roberto Cláudio. Trata-se da Mini Areninha do Guajeru (Regional IV), a quinta praça esportiva do tipo na Capital, fruto de um investimento de R$ 186,59 mil.

Antônio Henrique e Roberto Cláudio participaram da entrega do equipamento de saúde reformado

Foto: Divulgação

  • Areninha na Capital
    Areninha na Capital

As marcas de massas, biscoitos e torradas Adria e Vitarella, que pertencem ao portfólio da M. Dias Branco, fazem parte do ranking “60 marcas mais valiosas do Brasil”, divulgado pela revista Isto É Dinheiro, feito em parceria com o Instituto Kantar Vermeer.

Tanto Adria quanto Vitarella já haviam sido selecionadas para o ranking, mas é a primeira vez que as duas marcas figuram ao mesmo tempo na seleção. Vitarella alcançou a 57ª posição, valendo US$ 186 milhões, enquanto Adria ficou na 59ª, com o valor de US$ 165 milhões.

Para Martim Ibrahim Bernardara, diretor de Marketing e Trade do grupo, este é o reconhecimento ao trabalho que as equipes de Marketing e Comercial da M. Dias Branco têm feito para fortalecer o posicionamento das marcas. Branding, ações de PDV e digitais, merchandising, publicidade, lançamentos e fortalecimento comercial são algumas das atividades que levaram os rótulos para a mesa do consumidor ao redor do Brasil.

“A M. Dias Branco possui 19 marcas de biscoitos, massas, margarinas e farinhas domésticas e industriais, sendo a maior parte regionais. Adria e Vitarella são duas marcas que foram nacionalizadas e hoje estão presentes à mesa de consumidores de todo o país, cada uma com um posicionamento de imagem e preço bem definido”, explica Martim.

De acordo com o executivo, um dos grandes passos que a companhia realizou para a gestão de um portfólio tão amplo de marcas foi a implantação da metodologia MDB 360º, há cerca de três anos. “Esta metodologia de trabalho diz respeito a cumprir os fundamentos básicos para dar o máximo de eficiência aos recursos investidos em marketing e comunicação, garantindo o retorno para os acionistas”, explica.

Os times de Marketing e Vendas atuam juntos desde o início dos projetos e em todas as decisões relacionadas às marcas, seja para definição ou reforço de posicionamento (branding), lançamento de produtos, ações de PDV e campanhas em mídia on ou offline. “Essa estratégia tem ajudado não apenas a otimizar investimentos e ampliar o alcance de nossos produtos, como também a valorizar as marcas da companhia”, explica Martim, ressaltando a parceria com o diretor comercial, Ari Martins.

Time M. Dias Branco

Foto: Divulgação 

Ibyte (bonificação)

Ceará é lider na exportação de pás eólicas

04 de Junho de 2019 . Por Marcelo Cabral

O Ceará exportou US$ 64,9 milhões em equipamentos de energias renováveis (pás eólicas), no primeiro quadrimestre deste ano – uma alta de 891,6% em relação ao mesmo período do ano passado. A eficiência logística das empresas produtoras e do Porto do Pecém foram determinantes para o ótimo desempenho. 

Com isso, o Ceará é líder nacional nas exportações de aerogeradores ao exterior. Já as importações do segmento totalizam US$ 14,5 milhões no período analisado, fazendo com que o saldo comercial registrasse uma alta de 2.620,4%, atingindo um total de US$ 50,4 milhões.

Os Estados Unidos são o maior cliente das exportações cearenses do setor, com US$ 52,8 milhões, o que representa um aumento de 730,4% da demanda norte-americana em relação a 2018. O segundo maior cliente é a Alemanha, com US$ 12,1 milhões.

Das importações cearenses de equipamentos para a produção de energia limpa, os Estados Unidos reaparecem como segundo maior fornecedor, com US$ 1,2 milhão. O mercado americano só perde em fornecimento para a China, que exportou US$ 11,8 milhões ao Ceará, após o aumento de suas vendas de pás eólicas.

Os itens que obtiveram maior crescimento nas importações cearenses de energias renováveis foram as células solares, que se elevaram em 6.990% em relação a 2018, com US$ 2,4 milhões provenientes também da China. Os dados são do Centro Internacional de Negócios (CIN), da FIEC.

Ceará produz, utiliza e exporta pás eólicas que possuem alta tecnologia no processo fabril

Foto: Divulgação

  • Porto do Pecém
    Porto do Pecém

Cobasi abre megaloja no Iguatemi, nesta quinta

04 de Junho de 2019 . Por Marcelo Cabral

O setor pet vem crescendo a passos largos no Brasil, tanto que em 2018 teve alta de 9,8%, movimentou uma cifra superior a R$ 20 bilhões e colocou o País na vice-liderança no mercado global. Os Estados Unidos ainda lideram esse ranking, com a impressionante fatia de 50%, mas com o desempenho do ano passado, o Brasil chegou a 6,4% do mercado, superando o Reino Unidos, que detém 6,1%.

De olho nesse crescimento significativo, que teve continuar este ano, a Cobasi inaugura, nesta quinta-feira (6) a sua megaloja no Shopping Iguatemi. É a primeira no Ceará e a segunda no Nordeste. Segundo a rede, a base sólida de consumidores na cidade, construída pelo Iguatemi, foi determinante para a decisão de inaugurar a loja no shopping.

“Nossa expectativa é a melhor possível. Temos acompanhado a expansão do segmento em todo o País e vínhamos conversando com a Cobasi, que identificou Fortaleza através do e-commerce, como um grande mercado. Temos certeza que vai ser um elemento importantíssimo para o mix de lojas do Iguatemi e vai mudar o mercado para o segmento pet no Ceará”, disse Fabrício Cavalcante, CEO da Jereissati Centros Comerciais.

Já gerente de marketing da Cobasi, Daniela Bochi, a rede identificou que existe demanda por uma grande loja em Fortaleza, por isso a decisão de realizar um investimento significativo. “O potencial de consumo na cidade é alto e não há muitas megalojas para animais de estimação, por isso escolhemos a Fortaleza para dar continuidade ao nosso plano de expansão”, salientou.

A Cobasi é pioneira no conceito de shoppings para animais no Brasil, possi 78 lojas em sete estados e é uma das poucas empresas do segmento de varejo com capital 100% nacional e formato inovador que, agora, chega ao Ceará.

Megaloja tem um formato inovador e mais de 20 mil itens para animais de estimação e jardinagem

Foto: Divulgação

  • Ranieri Lima; João Nassar e Fabrício Cavalcante
    Ranieri Lima; João Nassar e Fabrício Cavalcante
  • Corredores amplos
    Corredores amplos
Fiec - selos

Senado aprova urgência para o Marco Legal do Saneamento Básico

04 de Junho de 2019 . Por Marcelo Cabral

O Senado Federal aprovou a análise, em regime de urgência, do projeto que atualiza o Marco Legal do Saneamento Básico (PL 3.261/2019), cujo requerimento foi aprovado em Plenário.

O senador Tasso Jereissati apresentou o projeto nesta segunda-feira (3) com o objetivo de substituir a Medida Provisória (MP) 868/2018, que perderia a validade ontem e não chegou a ser votada na Câmara dos Deputados.

Tasso disse que a nova proposta reproduz o texto do projeto de lei de conversão da MP, que incorporou várias emendas, em acordo com as lideranças ligadas ao tema. O senador foi o relator do texto na comissão mista. 

“A intenção do texto é modernizar o marco regulatório de saneamento básico, com alterações em diversas leis”, afirmou. Afinal, em matéria de saneamento básico, a maioria dos municípios brasileiros têm baixo percentual de coleta e tratamento adequado do esgotamento sanitário.

Em Fortaleza, o governador Camilo Santana inaugurou, em janeiro do ano passado, uma estação de tratamento de esgoto na Cidade dos Funcionários, interligando 9 mil imóveis e representando um investimento de R$ 115 milhões.

Tasso Jereissati conversa com Davi Alcolumbre sobre a necessidade de urgência para esse tema

Foto: Divulgação 

  • Camilo observa estação
    Camilo observa estação