Cidade conhecida pelo binômio sol e mar, a diversão na pára na faixa de praia de  Fortaleza. Mas nem só de lazer vive a orla. É ali que muita gente faz sua caminhada, corrida, ciclismo, muitas vezes sem realizar exames prévios. Para prevenir e atender casos de urgência já estão em pleno funcionamento dois projetos lançados pelo prefeito Roberto Claudio para ampliar a segurança e agilizar o atendimento de primeiros socorros na área litorânea da cidade.

O primeiro deles é o Bike Vida, no cruzamento das Avenidas Beira-Mar e Desembargador Moreira. Iniciativa  inédita no Brasil,  consiste na utilização de bicicletas esquipadas pelos socorristas do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) para prestar o primeiro atendimento. Desenvolvido pela SER II, em parceria com a Secretaria Municipal da Saúde (SMS) e apoiado pela Unimed Ceará e Barcellos Sports, o projeto conta com três técnicos do Samu.

O socorrista realiza o primeiro atendimento, inclusive utilizando desfibrilador para situações de mal súbito, acionando a unidade móvel do Samu, quando necessário. O serviço funciona de 5 às 22 horas, podendo ser solicitado pessoalmente no local ou por meio da central 192.

Já o Projeto Viva + tem seu QG na Praia do Futuro. Em uma parceria com o Corpo de Bombeiros  e Associação dos Empresários da Praia do Futuro, a ação visa a reduzir acidentes aquáticos. Participam 14 barracas, cada uma com um selo da SER II, indicando que ali há um agente treinado pelo Corpo de Bombeiros para dar orientações sobre condições de banho de mar, mudanças climáticas e prevenção de acidentes, além de distribuir para as crianças pulseiras de identificação que indicam o local onde se encontra os pais ou responsáveis.

 

Ferruccio Feitosa e Roberto Claudio com equipe bike vida

Foto: Divulgação