Com um panorama da história do Brasil por meio da arte, a Fundação Edson Queiroz está prestes a lança seu catálogo, reunindo cerca de 870 obras que compuseram mostras de renomados museus mundo afora, em diversos países da Europa e nos Estados Unidos.

Organizado por Max Perlingeiro, com catalogação da historiadora Aracy Amaral e curadoria de Regina Teixeira de Barros, a publicação de um dos mais importantes e abrangentes acervos do País é dividida em dois volumes, com edição bilíngue, e registra trabalhos produzidos entre os séculos XVII e XXI, compreendendo diversas escolas artísticas.

No próximo dia 26 de novembro, a presidente da Fundação Edson Queiroz, Lenise Queiroz Rocha, desembarca no Itaú Cultural, em São Paulo, para pilotar o lançamento da obra. Na ocasião, o historiador e curador Pedro Corrêa do Lago realiza uma palestra, às 19h, falando sobre os destaques da excepcional coleção.

Lenise Queiroz Rocha

Foto: Balada In