A 51ª edição do Super Bowl, final da temporada do futebol americano, teve uma decisão histórica. Pela primeira vez, a partida derradeira da temporada da NFL foi para a prorrogação e teve uma vitória fantástica, de virada, do New England Patriots sobre o Atlanta Falcons por 34 a 28, na cidade de Houston.

Depois de ver o Atlanta Falcons abrir 25 pontos de vantagem, Tom Brady comandou uma reação histórica, bateu o recorde de jardas lançadas em uma decisão, com 466, e igualou Charles Haley como o maior vencedor do evento, com cinco títulos. A vitória por 34 a 28 aconteceu em uma prorrogação inédita, com uma superação incrível do jogador, que derrubou o MVP da temporada regular Matt Ryan e encarou uma defesa que lhe impôs cinco sacks no confronto.

No tão aguardado intervalo, a cantora Lady Gaga fez um show solo que levantou o público em Houston, voando no estádio e cantando os grandes sucessos de sua carreira. Foram 12 minutos de muita energia da estrela. Ela envolveu os esforços de um grande corpo de dançarinos, saltos acrobáticos, além da plateia e de centenas de drones, coreografados para o número de abertura, em que Gaga entoou God bless America (Deus abençoe a América). Ao fundo, os aparatos tecnológicos brilhantes formavam em movimento a bandeira dos Estados Unidos.

Hoje cedo, foi divulgado oficialmente a apresentação única de Lady Gaga no Rock in Rio, no dia 15 de setembro de 2017. Ingressos à venda a partir do dia 6 de abril, pelo Ingresso.com.

 

Fotos: divulgação